FENOLOGIA, COMPONENTES DE PRODUÇÃO E RENDIMENTO AGRÍCOLA DO MILHO SOB LÂMINAS DE IRRIGAÇÃO NA REGIÃO DE RIO LARGO, ALAGOAS

  • MARCELO AUGUSTO SOARES UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
  • IÊDO TEODORO UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
  • SAMUEL SILVA
  • ARTHUR LUAN CANTARELLI
  • RICARDO ARAÚJO JÚNIOR
  • ALLAN HEMERSON MOURA

Resumo

FENOLOGIA, COMPONENTES DE PRODUÇÃO E RENDIMENTO AGRÍCOLA DO MILHO SOB LÂMINAS DE IRRIGAÇÃO NA REGIÃO DE RIO LARGO, ALAGOAS1

 

 

MARCELO AUGUSTO DA SILVA SOARES2; IÊDO TEODORO3; SAMUEL SILVA4; ARTHUR LUAN DIAS CANTARELLI5; RICARDO ARAÚJO FERREIRA JÚNIOR3 E ALLAN HEMERSON DE MOURA5

 

1 O artigo foi gerado a partir da dissertação do primeiro autor.

2 Doutorando em Produção Vegetal, Departamento de Tecnologia da Produção, Universidade Federal de Alagoas (UFAL), Av. Lourival Melo Mota, S/N, Tabuleiro do Martins, 57072-970, Maceió, Alagoas, Brasil, marcelocico_@hotmail.com.

3 Professores do Centro de Engenharia e Ciências Agrárias (CECA), Universidade Federal de Alagoas (UFAL), Av. Lourival Melo Mota, S/N, Tabuleiro do Martins, 57072-970, Maceió, Alagoas, Brasil, iedoteodoro@gmail.com; ricardo_ceca@hotmail.com.

4Professor do Instituto Federal de Alagoas (IFAL), Campus Piranhas, Av. Sergipe, 1477, 57460-000, Piranhas, Alagoas, Brasil, sam_capela@hotmail.com.

5 Mestrando em Produção Vegetal, Departamento de Tecnologia da Produção, Universidade Federal de Alagoas (UFAL), Av. Lourival Melo Mota, S/N, Tabuleiro do Martins, 57072-970, Maceió, Alagoas, Brasil, aldcantarelli@hotmail.com; allanmoura.h@gmail.com.

 

 

1 RESUMO

 

O objetivo deste trabalho foi avaliar o crescimento, desenvolvimento e rendimento agrícola do milho sob lâminas de irrigação, na região de Rio Largo, Alagoas. O delineamento estatístico foi blocos casualizados no esquema de parcelas subdivididas, com 20 tratamentos e quatro repetições. A cultura foi irrigada por gotejamento, submetida a cinco níveis de irrigação (40, 80, 120, 160 e 200% da ETc) e quatro doses de nitrogênio (0, 75, 150 e 225 kg ha-1). A interação entre as lâminas de irrigação e as doses de nitrogênio não foi significativa, uma justificativa para isso é que o solo com umidade acima da capacidade de campo fez com que boa parte do nitrogênio tenha sido lixiviado, dessa forma, foram analisados apenas os efeitos dos tratamentos de níveis de irrigação, sem desdobramentos.  Os maiores valores de altura do dossel (247,2 cm), índice de área foliar (4,4 m2 m-2), número de grãos por espiga (635 grãos), massa de grãos por espiga (195,0 g) e produtividade agrícola (8,4 t ha-1) são obtidos com lâminas de irrigação equivalente a 160% da ETc. A maior eficiência no uso da água foi de 38,5 kg mm-1, é obtida com lâmina total de água de 172,4 mm (40% da ETc).

 

Palavras-chave: altura do dossel, número de grãos por espiga, massa de grãos por espiga.

 

 

SOARES, M. A. S.; TEODORO, I.; SILVA, S.; CANTARELLI, A. L. D.; FERREIRA JÚNIOR, R. A.; MOURA, A. H.

PHENOLOGY, PRODUCTION COMPONENTS AND AGRICULTURAL YIELD OF MAIZE UNDER IRRIGATION DEPTHS IN RIO LARGO REGION, ALAGOAS

 

 

 

 

2 ABSTRACT

 

The objective of this work was to evaluate the growth, development and agricultural yield of maize crop under irrigation depths, in Rio Largo region, Alagoas, Brazil. The statistical design was randomized blocks in split-plot scheme, with twenty treatments and four replications. The crop was irrigated by drip system, submitted to five irrigation levels (40, 80, 120, 160 and 200% of the ETc) and four nitrogen fertilization doses (0, 75, 150 and 225 kg ha-1 of N). The interaction between irrigation depths and nitrogen doses was not significant, a justification for this is that the soil with moisture above the field capacity caused the leaching of large part of the nitrogen, and so, only the effects of the irrigation levels were analyzed, without unfolding. The highest values of canopy height (247.2 cm), leaf area index  (4.4 m2 m-2), number of grains per ear (635.0 grains), grain mass per ear (195.0 g) and agricultural yield (8.4 t ha-1) are obtained with irrigation levels equivalent to 160% of the ETc. The highest water use efficiency was 38.5 kg mm-1 obtained with total water depth of 172.4 mm (40% of the ETc). 

Keywords: canopy height, number of grains per ear, grain mass per ear.

Publicado
2020-06-02
Seção
Artigos