CRESCIMENTO E PRODUÇÃO DE ALGODOEIRO SOB ESTRESSE SALINO E INOCULAÇÃO COM AZOSPIRILLUM BRASILENSE

Autores

  • Rita de Cassia Cunha Saboya Embrapa
  • Austro José Faustino Tavares
  • André Alisson Rodrigues da Silva Universidade Federal de Campina Grande
  • Luciano Marcelo Fallé Saboya
  • Ronaldo do Nascimento
  • Magna Maria Macedo Ferreira Embrapa

DOI:

https://doi.org/10.15809/irriga.2023v28n1p124-133

Resumo

CRESCIMENTO E PRODUÇÃO DE ALGODOEIRO SOB ESTRESSE SALINO E INOCULAÇÃO COM AZOSPIRILLUM BRASILENSE

 

 

RITA DE CASSIA CUNHA SABOYA1; AUSTRO JOSÉ FAUSTINO TAVARES2; ANDRÉ ALISSON RODRIGUES DA SILVA3; LUCIANO MARCELO FALLÉ SABOYA4; RONALDO DO NASCIMENTO5 E MAGNA MARIA MACEDO NUNES COSTA6

 

1 Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Centro Nacional de Pesquisa do Algodão, Rua Osvaldo Cruz, 1143 - Centenário, Campina Grande, PB, Brasil. E-mail: cassia.saboya@embrapa.br.

2 Unidade Acadêmica de Engenharia Agrícola, Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Rua Aprígio Veloso, 882 - Universitário, Campina Grande, PB, Brasil. E-mail: austro_tavares17@hotmail.com.

3 Unidade Acadêmica de Engenharia Agrícola, Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Rua Aprígio Veloso, 882 - Universitário, Campina Grande, PB, Brasil. E-mail: andrealisson_cgpb@hotmail.com.

4 Unidade Acadêmica de Engenharia Agrícola, Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Rua Aprígio Veloso, 882 - Universitário, Campina Grande, PB, Brasil. E-mail: lsaboya@hotmail.com.

5 Unidade Acadêmica de Engenharia Agrícola, Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Rua Aprígio Veloso, 882 - Universitário, Campina Grande, PB, Brasil. E-mail: ronaldo.nascimento@professor.ufcg.edu.br.

6 Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, Centro Nacional de Pesquisa do Algodão, Rua Osvaldo Cruz, 1143 - Centenário, Campina Grande, PB, Brasil. E-mail: magna.ferreira@embrapa.br.

 

 

1 RESUMO

 

Objetivou-se com este estudo, avaliar o efeito da inoculação com Azospirillum brasilense na mitigação dos efeitos deletérios causados pela irrigação com águas salobras no crescimento e nos componentes de produção do algodoeiro de fibra branca BRS 286. A pesquisa foi conduzida em ambiente protegido (casa de vegetação) em lisímetros de drenagem. Os tratamentos resultaram da combinação entre dois fatores: cinco níveis de condutividade elétrica da água de irrigação - CEa (0,4; 3,1; 4,1; 6,1 e 7,1 dS m-1) associados a inoculação ou não das sementes de algodão com Azospirillum brasilense - AZ (Com inoculação e sem inoculação), distribuídos no delineamento inteiramente casualizado, em arranjo fatorial 5 × 2, com seis repetições e uma planta por parcela, perfazendo o total de sessenta unidades experimentais. A inoculação das sementes com Azospirillum brasilense mitigou os efeitos deletérios do estresse salino sobre a área foliar e os componentes de produção quando submetido a CEa de até 3,1 dS m-1. A irrigação com CEa de 0,4 dS m-1 associado a inoculação das sementes com Azospirillum brasilense resultou nos maiores valores de área foliar, fitomassa seca da parte aérea, número de capulhos, número de sementes, massa de sementes e massa de algodão em pluma.

 

Palavras-chave: Gossypium hirsutum L., estresse abiótico, fixação biológica de nitrogênio.

 

 

SABOYA, R. de C. C.; TAVARES, A. J. F.; SILVA, A. A. R. da; SABOYA, L. M. F.; NASCIMENTO, R. do; COSTA, M. M. N.

COTTON GROWTH AND PRODUCTION UNDER SALINE STRESS AND INOCULATION WITH AZOSPIRILLUM BRASILENSE

 

 

 

2 ABSTRACT

 

The objective of this study was to evaluate the effect of inoculation with Azospirillum brasilense in mitigating the deleterious effects caused by irrigation with brackish water on the growth and production components of BRS 286 cotton. The research was conducted in a protected environment (vegetation house) in drainage lysimeters. The treatments resulted from the combination of two factors: five levels of electrical conductivity of the irrigation water - ECw (0.4, 3.1, 4.1, 6.1 and 7.1 dS m-1) associated with inoculation or not of cotton seeds with Azospirillum brasilense - AZ (With inoculation and without inoculation), distributed in a completely randomized design, in a 5 × 2 factorial arrangement, with six repetitions and one plant per installment, making a total of sixty experimental units. Seed inoculation with Azospirillum brasilense mitigated the deleterious effects of saline stress on leaf area and yield components when subjected to ECw of up to 3.1 dS m-1. Irrigation with ECw of 0.4 dS m-1 associated with seed inoculation with Azospirillum brasilense resulted in the highest values ​​of leaf area, shoot dry biomass, boll number, seed number, seed weight and cotton weight in feather.

 

Keywords: Gossypium hirsutum L., abiotic stress, biological nitrogen fixation.

Publicado

2023-03-30

Como Citar

SABOYA, R. de C. C. .; TAVARES, . A. J. F. .; SILVA, A. A. R. da .; SABOYA, . L. M. F. .; NASCIMENTO, R. do .; FERREIRA, M. M. M. . CRESCIMENTO E PRODUÇÃO DE ALGODOEIRO SOB ESTRESSE SALINO E INOCULAÇÃO COM AZOSPIRILLUM BRASILENSE. IRRIGA, [S. l.], v. 28, n. 1, p. 124–133, 2023. DOI: 10.15809/irriga.2023v28n1p124-133. Disponível em: https://irriga.fca.unesp.br/index.php/irriga/article/view/4605. Acesso em: 2 mar. 2024.

Edição

Seção

Artigos